sexta-feira, junho 05, 2015

RIP - Descanse em paz

Por Renato Vargens

Basta uma pessoa famosa morrer que as Redes Sociais ficam lotadas de mensagens de solidariedade a família enlutada, o que é claro, é absolutamente normal. Juntamente a essas mensagens encontramos expressões destinadas aos mortos do tipo RIP ( Rest in Peace), ou "descanse em paz". 

Caro leitor, não quero ser chato, mas, preciso confessar uma coisa que me intriga: Como desejar que alguém "descanse em paz" se este morreu sem Cristo?  Por acaso alguém porventura poderá descansar no lugar de tormento eterno?

As Escrituras nos ensinam que os homens em virtude dos seus pecados estão condenados a morte eterna, e que a única forma de serem salvos do inferno é mediante Jesus, portanto, todo aquele que vier a falecer sem Cristo não poderá em hipótese alguma encontrar "descanso".

Prezado amigo, essa verdade bíblica deveria gerar em nós no mínimo duas atitudes, senão vejamos:

1-) Lágrimas nos olhos. Saber que alguém morreu sem salvação deveria entristecer-nos profundamente. 

2-) O imperioso desejo de anunciar e pregar o evangelho aos homens lembrando-os que a vida é efêmera e que passa com uma rapidez enorme e que toda humanidade prestará contas ao Eterno e que a única maneira de encontrar vida eterna e descanso é mediante o sacrifício de Cristo na Cruz do Calvário

Pense nisso!

Renato Vargens


Guilherme Alves disse...

Que vultosa verdade, Pastor!
Sempre que um preterido morre, ao invés de desejar "Descanse em paz", eu sempre pensei: "Que Deus tenha tido misericórdia dele em seus últimos momentos e que dê graça e forças aos familiares."
Me comove demais pensar em alguém sendo castigado por toda eternidade. Sei que Deus é justo, e seu decreto é reto e perfeito, mas ainda assim me entristeço...
Ai de nós se não fosse a graça de Deus!

Sola Gratia!

El Misionero Matsuura Junichiro a.k.a. Marcos Freybert disse...

Eu sei disso. As mensagens de RIP - Rest In Peace - Descanse em Paz, são apenas uma forma de demonstrar algum respeito em uma hora tão difícil. Difícil para quem fica, e mais difícil ainda para quem vai, dependendo de onde for. Se morreu em JESUS CRISTO, tudo bem. Mas, se morreu sem JESUS CRISTO, aí ferrou. Eu curto muito um bom Blues, e senti pela morte do B.B. King, assim como senti pela morte de Johnny Winter ano passado, mais ainda pelo fato citado. Será que não houve ninguém para falar de JESUS para eles???? Engraçado que ele, B.B. King, foi criado na igreja, mas isso pode não representar ABSOLUTAMENTE NADA.

Mas eu também não concordo com um camaradinha chamado Fred Phelps, da Igreja Batista de Westboro, e do site www.godhatesfags.com, qua faz vídeos meio como se estivesse "comemorando" a morte de alguém, e sua ida para o inferno. Isso, também é PECADO, e ai desse homem, se ele não se arrepender.

Mas uma coisa é certa, se DEUS pensasse como nós, ai de nós!!!!

#VAMOSNOSCONVERTER

El Predicador disse...

Obrigado pelo seu artigo.
Na verdade, tenho estado a pensar em algo semelhante há bom tempo já. No entanto, gostaria de saber/ler a sua opinião quanto ao outro lado que o artigo não aborda: quando se trata de um cristão que parte.
Existe alguma base bíblica para desejar R.I.P? Estará ele em luta no além-túmulo? Pode ele perder a paz que herdou de Cristo ao morrer de si mesmo e submeter-se ao senhorio de Cristo enquanto esteve vivo, abandoná-lo de maneiras que seja necessário uma intercessão por parte dos vivos para que o Senhor lhe conceda descanso?

Tendo em conta a data da publicação do artigo, peço desculpas caso caso esteja reativando uma conversa já encerrada.

Atenciosamente.

favourite category

...
ministério pastoral

Whatsapp Button works on Mobile Device only